O que é o sono

Definição de sono

A tentativa de definição de “sono” é antiga: Dormir é ausência do acordado.Lucretius, há 2000 anos Dormir é a suspensão do poder sensorial, mantendo-se os poderes involuntários como respirar ou circulação.Macnish (1830) Critérios de comportamento:
  • Posição característica;
  • Olhos fechados;
  • Redução de resposta a estímulos externos;
  • Estado modificado, reversível da consciência.
Critérios Fisiológicos:
  • EEG (electroencefalograma) – registo das ondas cerebrais;
  • EOG (electro-oculografia) – registo dos movimentos oculares;
  • EMG (electro-miografia) – registo das contracções musculares.
Os critérios de comportamento têm um valor muito relativo quando se pretende fazer um estudo do sono. Hoje, com a evolução dos computadores, os critérios fisiológicos tornaram-se primordiais para o estudo do individuo a dormir. A Polissonografia (PSG) veio contribuir muito para um maior conhecimento sobre o sono.

Fases do  Sono

  • Fase NREM Assim denominado atendendo às inicias de Non Rapid Eye Movements. Esta fases tem quatro estádios: S1 S2 S3. O sono começa habitualmente com o fase S1 passando ao fim de alguns segundos a S2 (o mais longo) seguindo-se, decorridos alguns minutos, (cerca de 20) o  S3. Este último, S3 , é conhecido por s.profundo ou de ondas lentas em que predomina uma menor actividade cerebral e corpo menos imóvel. Para os autores que acreditam, os sonhos ocorrem nesta fase, e seriam bizarros e raramente relembráveis.
  • Fase  REM Iniciais para Rapid Eye Movements. Esta fase do  que, habitualmente, ocorre cerca de 90 minutos após o inicio   e é caracterizada pelo aparecimento de movimentos rápidos dos olhos e uma grande imobilidade do corpo. Nesta fase surgem os sonhos mais realistas, racionais e relembráveis. É também conhecido por “sono paradoxal”, por se verificar a conjunção de um cérebro muito activo num corpo imóvel. Esta fase do sono repete-se habitualmente três a cinco vezes durante a noite, com uma duração crescente para o final da noite. Há uma variação com a idade deste padrão. Os recém-nascidos iniciam normalmente o dormir na fase REM. Contrariamente, os adultos, por norma, iniciam  em fase NREM. Em situações como grave privação do sono ou narcolépsia, pode ocorrer um início do sono em REM.
 

Para que serve dormir?

Apesar do avanço da ciência no que diz respeito ao sono, ainda não há uma resposta consensual à pergunta “para que serve dormir”? Existem algumas teorias, entre as quais se inclui a tese que indica que dormimos  para conservar a energia, adaptação ao meio ambiente, reforço e consolidação da memória, manter a integridade do Sistema Nervoso Central e restaurar tecidos do corpo e cérebro.

O que é dormir bem?

Estudos comprovam que dormir muito não é sinal de dormir bem. Após um “bom sono” a pessoa deve sentir-se refrescada. Acordar com a sensação de ter dormido mal traduz que realmente algo não esteve bem. Se a situação persistir deve consultar-se um médico com conhecimentos na área , pois pode estar-se em presença de uma perturbação do sono. Existem numerosos testes que ajudam a despistar problemas no dormir. Os exames electro-fisiológicos, como PSG, são por vezes os únicos capazes de detectar anomalias, nomeadamente variação no número, qualidade e duração dos ciclos , perturbações na respiração, contracções musculares, etc. O seu médico saberá quando pedir exames complementares conforme a ou as patologias de que suspeite.

Subscreva a nossa newsletter

Coloque aqui a sua questão ou pedido de informação

Marque já a sua consulta