Sobre a Insónia

Homem com insónia

Insónia, em termos simples, apresenta-se enquanto há dificuldade em adormecer e/ou manter o sono, ou em dormir o suficiente para restabelecer o organismo.

Os animais adormecem, mantêm o sono e acordam por ordens diretas de centros cerebrais. São inúmeras as situações que podem condicionar essas ordens, seja por anomalias desses centros ou por influência de outros.

O tratamento

Quando alguém se queixa de insónia, a primeira atitude médica deve ser a colheita de uma história pessoal e familiar atual e anterior muito exaustiva. A tentação de satisfazer alguns doentes que vão à consulta na expectativa de encontrarem o tratamento com o comprimido milagroso deve ser substituída pela hipótese de tratamentos sem drogas. 

Compete ao paciente ou ao seu responsável colaborar com o médico, relatando tudo, sem constrangimentos ou juízos de valor. O paciente pode, erradamente, considerar irrelevante para a sua insónia este ou aquele acontecimento, importante noutro contexto.

Existem múltiplas formas medicamentosas de tratamento para a insónia, mas sem dúvida que cada vez mais se aposta na reprogramação do cérebro para que surjam as ordens para um bom sono. A forma de se conseguir essa reprogramação passa por uma boa higiene do sono, acompanhada por tratamentos cognitivo comportamentais, hipnose, entre outros. Em alguns casos poderá ser necessária a ajuda com medicamentos, que devem ser escolhidos com muito cuidado para cada caso e sempre numa perspetiva temporária.

Auto medicação

Está absolutamente proibido: o uso do comprimido do “amigo” ou do “familiar” que usam o mesmo com bons resultados. A auto medicação pode mesmo agravar a situação a médio e/ou a longo prazo. Também está contraindicada a suspensão ou substituição da medicação sem a aprovação do seu médico do sono.

Fale com o seu médico de família ou com um especialista. A Clínica do Sono pode ajudá-lo a tratar a sua insónia em segurança.


O seu sono não é reparador?

Faça o teste do sono


Teste aqui o seu sono.

Ou entre em contacto connosco.

Temos profissionais habilitados e capazes de o(a) ajudar.


Etiquetas:

Rastreio a partir do seu site.

Subscreva a nossa newsletter

Coloque aqui a sua questão ou pedido de informação

Marque já a sua consulta